Concursos

  Quer publicar o seu livro de Poesia? Clique aqui.

  Quer partcipar nas nossas Antologias? Clique aqui.

a frívola paisagem

a fresca imagem dum regato coleia pelas brechas da vida para que eu possa lobrigar a grandeza humana; para que a balbúrdia envolvente não amplie a rotundidade do meu pranto; para que eu replique ao sisudo emplastro que se instala na orla dos meus cânticos.

Género: