os ramais da temperança

são os ferimentos que historiam a selva onde o homem não quer habitar porque a sua inteligência lhe permite cuspir os delitos para se recolher onde alberga a sua determinação.

Género: