Praia de fantasia

Descalça caminho na praia da fantasia
Divagando ao sabor das ondas do desejo
Completamente entregue a elas, embatendo na falésia
Suspirando por noticias como do farol o lampejo.

Olho o céu azul e nada vejo
Mas tudo existe, além do vazio horizonte
A Lua nua dança num festejo
E o Sol desce a poente...

O vento sopra sereno como bocejo
As nuvens desenham um azulejo
E as gaivotas poisam na areia com cortesia!

Marinheiros desfilam em cortejo
Sereias cantam em solfejo
Nas madrugadas frias de maresia...

Género: 
Você votou 'Não gosto'.

Comentários

Na tua praia da fantasia dormem os anjos no mar,
Espraiam-se embalados nas ondas do teu ensejo
Trémulos, palpitantes a sorrir e a sonhar
Suspiram, ronronantes por um halo desse beijo

E no entardecer chega noite e vem pálida a lua
Vai-se o sol, pelo horizonte num suave deslizar
fundindo-se uníssono luzente na nuvem que flutua
Sopra o vento suavemente para os anjos não acordar.

Na auréola do Céu azul, despertam os anjos risonhos
Levando na maresia fria o fel das minhas dores
Deixando na espuma das ondas o néctar dos teus sonhos

Para além do horizonte, porfia essa divagação louca
Gaivotas de asas brancas levam nas asas teus beijos
Rasgando a saudade, matando os desejos na minha boca!
.

João Murty

Lindo...lindo... Adorei...
Na minha praia a imaginação às vezes voa como gaivotas ao final do dia!!!.... Estou a ver que cativou a sua imaginação, ainda bem....
Obrigada pela sua interação
Beijos frescos com ternura :)