um palácio transcendental

o choro sobre uma mesa desconjuntada posta no meu quarto como um nenúfar bizarro; a cissura que me aluiu o juízo e que eu ultrapassei através da minha determinação; a malevolência que me confundiu e que gerou em mim uma serpente abominável.

Género: