Concursos

  Quer publicar o seu livro de Poesia? Clique aqui.

  Quer participar nas nossas Antologias? Clique aqui.

Fazer o bem

Descrição: 

Domingo eu fui a missa  encontrei lá um velhinho pedia a sua esmola vi então uma menina lhe levar uma moedinha que a tirou da sacola. Acabada a Santa Missa  vi que   ninguém teve o coração de dar uma esmola ao velhinho, eu com ele fui falar e lhe perguntar com amor e carinho  tens fome  e tens frio vem cá ó velhinho assim o tratei pois não o entendia era Italiano andava em peregrinação ia para Fátima a pé  eu lhe disse te vou dar de comer chorei de alegria ao me aperceber que Deus naquele dia tudo estava a ver levei o velhinho a uma casa de comida  lhe paguei o jantar lhe pus na mão mais uma  esmola e me vim embora  estava muito frio nessa noite  sinto o peso na consciência de não  o recolher  na dormida  ele ia dormir na rua me sinto triste por o deixar no restaurante e não  arranjar onde ele dormir como é tão triste ser pobre por vezes com uma alma nobre mas nela não há alegria ó meu Deus vai chegar o dia desses pobres velhinhos lhes acabar o sofrimento quando Deus os levar para o céu porque a vida terrena deles se tornou num tormento aquele velhinho ao entrar no restaurante viu na parede a imagem de Nossa Senhora  para Ela olhou com muito carinho e lhe atirou um beijinho me sinto com remorsos  de não lhe dar dormida  lhe saciei o estômago mas não completei  a caridade ate ao fim o deixei a dormir  na rua tive muita pena daquele velhinho de as pessoas  não lhe dar uma só moeda

ele parecia um padre franciscano Deus lhe de  muita coragem se ainda for vivo se já não se encontrar na vida terrena Deus  o tenha na Eterna Gloria de Deus Amem . Maria Carmo ajudou este pobre  

 

Género: