Concursos

  Quer publicar o seu livro de Poesia? Clique aqui.

  Quer partcipar nas nossas Antologias? Clique aqui.

Tristeza

Nao pertenço

ja aqui estivemos juntos, eu a olhar-te nos olhos, parecias um anjo.

Ate me fizes-te chorar, gostava de ser especial... Mas acho que sou estranho de mais para ti

Tu só querias uma festa a serio, mas nunca notas-te que nao estou por perto

O que te deixa a sorrir? Qualquer coisa que tu queiras, tu és especial de mais, eu gostava de ser especial como tu és.

Eu sou o esquesito, mas que caralho faço eu aqui?

Dor

Eu amo-te estás preparada? A dor cresce

Os meus olhos arder

Eu vejo-te mas as minhas maos estao apertadas

So queria ouvir que sentes a minha falta

Agora percebo como este mundo acaba com um homem

No fim dei a minha vida por ti

Dei tudo o que poderia dar

Se calhar poderei encontrar paz do outro lado

Deixa.me queimar,

A vida vai libertar-me,

Promete-me que nao vais rezar,

Promete-me que ficarás em paz

Agora encontrarás o teu próprio caminho,

diz a toda agente como ajudei-te na vida,