Concursos

  Quer publicar o seu livro de Poesia? Clique aqui.

  Quer partcipar nas nossas Antologias? Clique aqui.

Incertezas

" Incertezas"

Dou voltas e voltas
À procura de tudo
À procura de nada
E sigo durante horas
Por essa estrada
Cheia de incertezas
E sigo sem estar certa de nada

Não sei o que quero
Mas sei o que sou
Às vezes não sei o que espero
Desta vida que ainda não acabou

E vou dando voltas e voltas
Sem sair do mesmo lugar
Voltas e voltas
Que teimam em não acabar

E sigo insegura
Nesta insegurança
Que sinto dentro de mim
De ter a certeza
Que não estou certa de nada
Dando voltas sem fim

Ficando presa ao mesmo sitio
Ficando presa neste lugar
Onde viajo pelo mundo
Sem um passo ter de dar

Afinal tantas voltas
Deixaram a minha cabeça a rodar
Perdendo a esperança
De que algum dia vou encontrar
Aquela felicidade que dizem que existe
E que não a consigo achar

Agora já não dou mais voltas
Fico aqui parada assim
Esperando que o futuro
Caminhe até mim
E eu possa serenar
Sem me preocupar
Com esse futuro
Que me deixa insegura
Com tanta insegurança
Que sinto dentro de mim.

Autora: Sandra Silva

Género: