Concursos

  Quer publicar o seu livro de Poesia? Clique aqui.

  Quer partcipar nas nossas Antologias? Clique aqui.

A minha força

Acordei numa manhã fria, espreguicei com alguma dificuldade; contorci o preguiçoso corpo, e estiquei até conseguir. Tomei o pequeno-almoço e imaginei a liberdade, onde da minha entrada; olhava com a paz todo o esplendor, onde reina as pegadas presentes, o meu espaço a longevidade

Género: