Concursos

  Quer publicar o seu livro de Poesia? Clique aqui.

  Quer participar nas nossas Antologias? Clique aqui.

poemas da razão

o garoto inflamou o seu ego depois de abandonar um cárcere violento: converteu os seus dizeres em frivolidades que sublinharam os percalços duma vida transbordante; expandiu os rituais da sua loucura quando participou numa dolorosa missão.

Género: