Concursos

  Quer publicar o seu livro de Poesia? Clique aqui.

  Quer partcipar nas nossas Antologias? Clique aqui.

Água de coco!

Refresca teu corpo

Essa tua silhueta é um consolo

Derrame água de coco

Quero beber cada gota

Desta tua essência feminina

Exalas sensualidade

Entorpecendo-me nesta loucura

Tua imensidão é poesia

a ti mulher, dedico

todas as minhas rimas

os versos que te escrevo

com amor e desejo

numa volúpia insana

Adoraria sentir o teu cheiro

o teu perfume de Deusa

Musa dos meus sonhos

(DiCello, 14/08/2020)

Género: