Concursos

  Quer publicar o seu livro de Poesia? Clique aqui.

  Quer participar nas nossas Antologias? Clique aqui.

Amor fati

Estou buscando réplicas da dor,
Seja qual for o percalço de sangue,
Tal incômodo traz reles fulgor
Que luzia no meu rastro tão distante.

Se sofrer no caminho traz algor,
Vou mais pleno, perfeito sou sem langue.
Calejado, tenaz no meu torpor
E tão rígido, tange no que imane.

Sou meu eterno retorno desgraçado,
Tal qual volta na noite fria e triste
Para congelar-se desamparado.

Sim, replicarei, serei postulado
Como guerreiro da comédia chiste:
Tiro chacota do sofrer fundado.
 

 

Género: