Concursos

  Quer publicar o seu livro de Poesia? Clique aqui.

  Quer partcipar nas nossas Antologias? Clique aqui.

ANJO DE PRATA...

Todas as noites um anjo visita-me em meus sonhos..
Em seu vestido prateado exalando ternura..
Em noites sombrias surgem para acalmar a alma..
E dar paz ao coração atormentado.
Mulher de luz, de brisa doce ao luar.
Beijo a beijo percorro teu pequeno mundo..
Como sons num compasso, cheio de sentimentos...
Invadindo seu pudor, fazendo-a minha..
Enfim, a lua envergonhada se desnuda.
Nos teus beijos eu mergulhei...
Talvez o céu me devolva a alma
Que outrora perdi em tuas delicadas mãos..
WSR
Género: 

Comentários

Wesley Rabelo Schneider's picture

todas as noites um anjo visita-me em meus sonhos..
Em seu vestido prateado exalando ternura..
Em noites sombrias surgem para acalmar a alma..
E dar paz ao coração atormentado.
Mulher de luz, de brisa doce ao luar.
Beijo a beijo percorro teu pequeno mundo..
Como sons num compasso, cheio de sentimentos...
Invadindo seu pudor, fazendo-a minha..
Enfim, a lua envergonhada se desnuda.
Nos teus beijos eu mergulhei...
Talvez o céu me devolva a alma
Que outrora perdi em tuas delicadas mãos..
WSR