Concursos

  Quer publicar o seu livro de Poesia? Clique aqui.

  Quer partcipar nas nossas Antologias? Clique aqui.

Brincarei de Sonhar

Brincarei de sonhar …

 

Declarar ou versar por amar, aludir os desamores,

São impulsos exprimidos em palavras,

Tingem as páginas ora brancas de todas as cores.

 

Gosto de falar do amor puro, sentido sem amarras,

Cantar o fado da saudade pejado de valores,

Desenhar o sorriso da vida com linhas rectas.

 

Não somos nada sem as palavras,

Sem a fantasia,

E os ensejos de verdade em nossa vida,

Sem as quais vivíamos sem nada, sem história.

 

Verso lembrando-me de ti,

Com uma nostalgia no peito,

Jogando com as palavras,

Descrevendo emoções e sentimentos,

Mesmo que seja só palavras,

Sinto que naquele instante o contentamento,

Alteia em algum lugar!

Brincarei de sonhar...

 

_Antes que me esqueça_Jmcenteio

Género: