Concursos

  Quer publicar o seu livro de Poesia? Clique aqui.

  Quer partcipar nas nossas Antologias? Clique aqui.

Chocolate

Nao dizes nada, nao revelas nada.
Nem no olhar, que parece vazio.
Tento olhar dentro de ti
E so o vazio parece existir
Nesse abismo que e a tua alma.
Tento furtar te um sorriso
e so tristeza vejo no teu olhar.
Faço equaçoes sem fim
e nao chego ao fim do problema.
Nao te mexes e nem uma lagrima brotas.
Nao existem emoçoes em ti
Nao pareces existir.
Sera que ainda vives?
Dou te um pedaço de chocolate.
Para te conquistar de novo.
Como um milagre teus olhos brilham de novo
Enquanto saboreias o teu doce favorito.

Género: