Concursos

  Quer publicar o seu livro de Poesia? Clique aqui.

  Quer partcipar nas nossas Antologias? Clique aqui.

Contornos incandescentes!

Passei minhas mãos por seus contornos 

senti a suavidade de sua pele de seda

deixando-a com um fogo ardente

Minha boca passearam por seus lábios 

deleitaram-se com um beijo incandescente

meus dedos umedecidos em seu prazer

mergulharam nas entranhas do teu ser

saboreei o teu corpo delirante, intensamente

Fitei em seus olhos o desejo de quero mais

teu pedidos silenciosos e inconsequentes

Experimentei teu néctar, o gosto de teu mel, 

teu corpo emancipado rebolava profanando-me

atiçando a minha libido… tu gemias e gemias, 

num ato de amor e sexo, paixão a flor da pele!

(DiCello, 09/12/2015)

Género: 
Você votou 'Não gosto'.