Concursos

  Quer publicar o seu livro de Poesia? Clique aqui.

  Quer participar nas nossas Antologias? Clique aqui.

A DOR DO MEDO

A dor do medo

É uma sensação muito forte,
É um desepero sem fim
É uma dor sem cor,
É o medo da morte
É o medo que vem pra mim.

Medo da vida,
Medo da morte?
Medo de ter medo,
Medo de tantos segredos
Medo do próximo
Medo do ausente.
Medo até de ganhar presentes!

O medo acompanha
Em todo e qualquer canto,
O que está acontecendo
Com nosso Espírito Santo?

Deus nos guarde e nos proteja,
Esse medo vai tirando,
Até que a Vitória eu veja. 
(CCS Flor Poética)

 

Género: 

Comentários

O medo é um atraso, se não tivermos cuidado, em nossa vida ele faz um arraso.

O medo é o causador de muitos sonhos enterrados. O medo é uma força negativa forte se não lutar contra ele, pode ser que consegue dominar até uma nação, um país.

Madalena Cordeiro

Xô medo!