Concursos

  Quer publicar o seu livro de Poesia? Clique aqui.

  Quer participar nas nossas Antologias? Clique aqui.

FANTÁSTICA CRIATURA

 
FANTÁSTICA CRIATURA



Fantástica criatura vens de seres

Que já se foram.

A abandonaram, deixaram-na aqui
A mercê de lobos em pele de cordeiro.
No fundo não entendo seu desespero.
Seu medo da vida
Entrega-se tão fácil a conquistas baratas.
Tripudiando em cima dos homens que a amaram.
Sente-se superior a tudo e a todos .
Tu pequena mulher, contenta-se em viver de restos e migalhas
esquecidos em meio as tralhas .
Fantástica criatura, contamina minha mente com sua maldade.
pensa que vai conseguir.
Isto é covarde!
Eu aceito , me deleito com seus gestos e trejeitos.
Falando tenta me provocar.
fantástica criatura, sei que tudo que faz é sonhar.
Mas nunca conseguirá sequer me derrubar.
No fim terá que se contentar em só admirar,
As maravilhas que de sua maldade consigo tirar.
Género: 

Comentários

P/Arlete Klens, PARABÉNS!

GOSTEI DO TEXTO " CHICO ANIZIO"

FIZ UM POEMA EM HOMENAGEM À ELE...( UM ARTISTA NOTA MIL)

SEU POEMA, NOTA MIL! BEIJOS!

OBRIGADO MADALEMA,

TAMBÉM SOU UMA GRANDE ADMIRADORA DE CHICO.

PENA TER NOS DEIXADO.

P/ Arlete Klens...Dá uma olhada no poema..." UM ARTISTA NOTA MIL" E DEPOIS ME DIZ O QUE ACHOU!

P/Arlete Klens, obrigada por olhar o poema"UM ARTISTA NOTA MIL"

OBRIGADA POR COMENTAR TAMBÉM!

BEIJOS!