Concursos

  Quer publicar o seu livro de Poesia? Clique aqui.

  Quer participar nas nossas Antologias? Clique aqui.

FELICIDADE

FELICIDADE
 
 
Eu queria ser feliz
Eu queria ter um amor
Que fosse fiel sem desamor
Que nascesse na natureza coberto de flor
 
Preso num laço de fita com muito ardor
Que soprasse ao vento de norte a sul de leste a oeste feito um cata-vento
Queria ser uma nuvem que transbordasse chuva ininterruptamente
Que molhasse meu coração com raios de amor
Queria ser um deserto com uma única flor
 
Que pudesse te  oferecer um buquê de amor
Queria ser o caminho de uma estrada perene
Para que pudesse caminhar sempre
Desejo ser o sol com teus raios luminosos
Para te cobrir de luzes ao amanhecer
 
Ser à noite envolvente
Ao luar de infinitas estrelas a brilhar
Num assoalho azul a te mirar
 
Te cobrir de areia em uma praia deserta
Só o oceano a nos acompanhar
Ser um barco sem velas a derivar
 
Indo ao encontro das ondas do mar
 
Como seria feliz se encontrasse um amor... viveria juntinho seja aonde for
 
 
 
 
Margarida Maria
 

Género: