Fiquei triste

Fiquei triste

 

Fiquei triste!

Antes não tivesse lido!

Mas li e fiquei triste!

Um poeta precisa

De ter reconhecimento

Se não... será alguem

Sem mericimento!

Não escreverá para ninguém!

Apenas para si proprio?

Penso eu que nem por isso!

Pois se nem o amor o reconhece

Mas como, se de tal viver, padece?

Esse é o meu martirio

O meu medo, a minha injuria

O meu mal saber, o meu não viver!

Fico zangado comigo mesmo

Quando não consigo fazer

Um poema a valer!

Como tenho medo de morrer

Então, compro um cachorro

Pois ele sempre escuta

A minha verdade impoluta

Ouve o meu verbo, sem luta

E sem protesto, quando me escuta!

Além disso é uma companhia

Por quem tudo faria

Para fosse a minha companhia

Escorreito ou não... quem diria!

Ah! aquele cão, aquele companheiro

Que mudo e calado

Escuta-me por inteiro

Feliz e sorrateiro!

 

 

 

Género: 
Você votou 'Gosto'.