Concursos

  Quer publicar o seu livro de Poesia? Clique aqui.

  Quer partcipar nas nossas Antologias? Clique aqui.

Leoa!

Seus relatos

simplesmente me excitaram

agitaram o corpo,

a mente prolixa

Você escreveu assim:

“Hoje acordei

numa felicidade sem tamanho,

uma sensação de plenitude,

maravilhosos sentimentos

desejos e vontades sem fim

dentro de mim

e nem sei o porquê,

simplesmente assim...”

Eu imaginei você

seu corpo nu...

sobre os lençóis de seda egípcia

Sua madura e feminina silhueta

num êxtase sem fim

A flor da pele

seu sex appeal

fantasiei prazeres sem fim 

(DiCello, 11/2020)

Género: