Concursos

  Quer publicar o seu livro de Poesia? Clique aqui.

  Quer participar nas nossas Antologias? Clique aqui.

Mãe Natureza

Fala comigo...
Apesar de poucos te ouvirem,
eu farei o esforço, porque o quero.

Tu tens-me contigo...
Como tens todos os que te sentirem
e até aqueles que te cuspiram... 
No seu enterro...

E quem sou eu para te invadir,
essa frescura do teu rio,
esse ar que tu transformas.

Dás-me tudo isso sem te pedir,
trazes-me a cura nesse teu frio,
levas-me a paz de outras formas...

Poucos percebem a tua importância,
outros ignoram qualquer tipo de razão...
Mas só aqueles que te conhecem a substância
poderão um dia saber quem são.

Género: