Memória

Memória
 
Foi à 18 anos, mas continua bem presente na memória de todos
 
Tantos vidros partidos,
Tanta vida estropiada,
Tanta gente sem sentidos,
Caída, morta, desmaiada.
 
Tanta criança a chorar,
Sem perceber o porquê
De quanto se está a passar.
E da hipocrisia que vê.
 
Gente inocente a cair,
Numa luta desesperada,
Tantos sonhos por cumprir.
 
Morreram sem entender,
Tinham morte marcada
Sem direito de se defender.
 
Francis Raposo Ferreira
11/09/2019

 

Género: 
Você votou 'Não gosto'.