Meus escritos!

Traço meus desejos
numa folha qualquer, branco
pardo, amarelo...
se eu puder simplesmente escrever
Escrevo minhas saudades,
meus desejos, as loucuras
até meus segredos
minhas insanas aventuras
As desventuras, os devaneios
eu inscrevo nos anais
nos alfarrábios da existência
Neles eu traço histórias
estórias e fantasias
desenho tua mansidão feminina
a qual dedico sim, sempre
minhas musas são mulheres
elas me dão incríveis prazeres
Amores, sensações, delírios
modos do meu ser
(DiCello, 29/10/2020)

Género: 
Você votou 'Não gosto'.