Concursos

  Quer publicar o seu livro de Poesia? Clique aqui.

  Quer participar nas nossas Antologias? Clique aqui.

A minha Janela

Da Janela do meu quarto eu sonho para o mundo

Da Janela do meu quarto na minha mente, não chego ao fundo

Vejo o dia e a noite

Vejo a chuva e o sol 

O meu reflexo deitada na cama

Enquato ouço quem por mim chama

Género: