Concursos

  Quer publicar o seu livro de Poesia? Clique aqui.

  Quer partcipar nas nossas Antologias? Clique aqui.

Pérolas de Luz....

 

 

DORME A INDIFERENÇA DOS RIOS...

NO DANÇAR DAS FOLHAS CAÍDAS...

MENTE... O NASCER DO SOL,

DÃO-ME... PÉROLAS DE LUZ

 

CARENTE PELO DESEJO NA ALMA,

QUE PROCUREI NA BELEZA... DESEJADA,

NUMA GOTA DE CHUVA, NO AZUL,

NUMA NÚVEM... ALI ATIRADA.

 

COBREM-ME O ROSTO DE VENTOS,

QUE SE PERDEM DENTRO DE MIM...

 

DEPOIS...

NUMA VOZ ATIRADA, NUM MURMÚRIO...

NUMA MENTIRA, JOGADA NA DOR,

MENTE O NASCER DO SOL,

DÃO-ME PÉROLAS DE LUZ.

 

ACORDO EM SEGREDO, NA NOITE,

CAMINHO PARA LÁ DO FIM,

LEVO COMIGO A CERTEZA,

DE QUE O SOL, NÃO NASCE ASSIM...

 

Luis Ginja

Género: 
Você votou 'Gosto'.