Concursos

  Quer publicar o seu livro de Poesia? Clique aqui.

  Quer partcipar nas nossas Antologias? Clique aqui.

Pintei o Céu...assim

 

 

CRIEI A LUZ.A TERRA E O MAR...

CRIEI O MEDO, A DOR, O DESEJO,

PEDI, PARA QUE NADA FOSSE ALTERADO,

MANDEI OS VENTOS, DA VIRGINDADE,

PINTEI AS CÔRES, DO ARCO- ÍRIS,

NUM SOM MELODICO... CRIEI TEMPESTADES

 

CRIEI OS ANJOS, O RICO E O POBRE,

CRIEI BONDADE... E ATÉ SONHEI,

PEDI, PARA QUE NADA FOSSE ALTERADO,

CRIEI O FOGO, NAS ÁGUAS NADEI,

CRIEI ILUSÃO, NELA ME PERDI,

QUESTIONEI TANTA COISA... E,

ENTENDI

 

ESCONDERAM A LUA, NA SOMBRA FIQUEI,

SENTI O MEDO, NUM DESEJO DE DOR,

ALTERARAM-ME O SONHO, COM QUE DORMI

DESVIRGINDARAM OS VENTOS,

PINTARAM A NOITE, COBERTA DE ESTRELAS,

CRIARAM UM SONHO...

ONDE MORRI.

 

Luis Ginja

Género: