Concursos

  Quer publicar o seu livro de Poesia? Clique aqui.

  Quer partcipar nas nossas Antologias? Clique aqui.

Por tudo

 

Por tudo o que já vivi, já senti,

Por tudo o que não tive, que sofri.

Por tudo o que sonhei, imaginei,

Por tudo o que amei… já nem sei.

 

Pelo nada que tenho no momento,

Pelo peso que carrego no pensamento,

Por tudo o que é levado no vento,

No decorrer do tempo… o sentimento.

 

Pelo não querer mais lutar,

Pelo render à aceitação

De não saber mais mudar…

 

Por ser apenas a sombra do que fui,

Por ser hoje somente a negação

De um tempo que sem dó flui.

Género: