Concursos

  Quer publicar o seu livro de Poesia? Clique aqui.

  Quer partcipar nas nossas Antologias? Clique aqui.

Solitude!

...e logo, nestes dias de retidão

a solidão se achega,

se aconchega no coração

trazendo a tona...

fazendo aflorar aqueles sentimentos,

as emoções... as mais incríveis,

as mais vorazes

e cúmplices sensações

Dependem em parte,

da união de corpos,

almas entregues aos sedutor momento de paixão

Que haja amor.

mas também tenhamos intensidade

em nossos pulsantes

e amantes corações

afastando assim, a dor...

que tira a cor mas a poesia,

as lembranças escritas

são guarida as incertezas

mais certas Rimas e versos...

poesia concreta...

no agora neste instante sem demora...

num sim enfim,

nossos seres em sublimação

(DiCello, 03/05/2020)

Género: