Concursos

  Quer publicar o seu livro de Poesia? Clique aqui.

  Quer partcipar nas nossas Antologias? Clique aqui.

Tristeza e solidão

Refugiei me no medo e na mentira

Com a esperança de um mundo de fantasia 

Onde  tudo podia e nada de mal me aconteceria 

Tornei-me numa vitima do pecado

Por isso refugiei-me no passado 

Porque a verdade doía 

E assim me despeço 

No meio da penumbra á luz do dia 

Com palavras de melacolia e solidão 

No meio de uma multidão 

Á espera de um futuro de perfeição. 

Género: 
Você votou 'Gosto'.