Concursos

  Quer publicar o seu livro de Poesia? Clique aqui.

  Quer participar nas nossas Antologias? Clique aqui.

Vai Sendo

"Por mais passadas que dás, mais passadiços que passes
os passos passam ao lado, chamam-lhe passos trocados
Cruzados nas cruzes que se cruzam nos dias
dias com 24 horas mas eu quero 24 vidas

Estendeste ao comprido e não te esticam o braço
e depois de estares em baixo tudo parece mais baço
Está traçado com traço, és fiel ao que levas por dentro
mas a confusão do imaginário é mais ventosa que o vento

O nevoeiro é denso, a chuva já nem chateia
o Sol continua intenso e tu na cegueira
Nem a meio nem a meias, simplesmente o NADA
que é mais extenso à visão do que pedras na calçada

Apontem o dedo a crença já não existe
há quem seja feliz sendo inocente e eu já não quero ser mais triste "

MARS - 22/09/2015

 

Género: