Esboços da alma...

 

Um dia na confusão do meu mundo,
por entre um vento moribundo,
a minha alma soprou,
os pós da minha loucura,
acumulados na armadura,
onde o tempo me fechou...

soltos e enfurecidos,
voaram decididos,
rumo ao meu coração,
não chegaram lá por acaso,
eles sabiam do atraso,
que tinha a minha ilusão...

a vida não me trazia mistério,
olhava-a de um jeito sério,
de quem já nada tem a perder,
quando só a razão impera,
o coração já não espera,
outra forma de bater...

puro engano me trazia
essa vida tão vadia,
que de mim só sabia fugir,
eu atras dela já não ia,
desisti da doce fantasia,
dela não mais querer partir...

a verdade nem sempre dói,
apenas docemente destrói,
os sonhos que nunca sonhámos,
quem não conhece o amor,
não pode sentir qualquer dor,
quando nele apenas pensamos...

os pós da minha alma,
tiraram de mim a calma,
quando te desenharam em mim,
eu de ti nada sabia,
só a tua alma conhecia,
num esboço sem ter fim...

a inquietude do olhar,
queria tanto te encontrar,
para acalmar a tempestade,
deste amor que existia,
sem rosto que na melancolia,
mudara a minha realidade...

Quando por fim o destino,
num rasgo de luz tão fino,
iluminou o teu rosto
eu soube naquele instante,
que eras o amor viajante,
que à vida traria gosto...

Tive-te entre os meus dedos,
que já conhecia os teus segredos,
sem nunca te ter tocado,
este amor não é de agora,
trouxe-te pela vida fora,
no meu peito desenhado...

 

Ártemis

Género: 
Você votou 'Gosto'.

Comentários

QUEM SERIA O AMOR EM SI? DEUS SOU EU E A VIDA QUEM É? UM DESEJO DE LIBERDADE EXISTE NO MUNDO É VERDADE MAS QUEM O TEM SOU EU E NADA VEM DE TI OU DE ALGUÉM.  E ISSO CHAMA-SE AMAR A DEUS. DEUS PAI E NADA A VER COM TUDO O QUE EXISTE POIS ASSIM É UM PONTO A MEU FAVOR.

DEUS TE AME.

UM GRANDE E FANTÁSTICO DE FANTASIA MAS BELO DE VER E TER DE VER O QUE QUER DIZER AMAR A VIDA.

DEUS A PROTEJA E SEJA ASSIM.

ABRAÇO E ENCANTADO POR A LER.

AMANDU

Depois do que li, meu amigo Amandu, apenas se solta de mim um AMÉM às suas palavras.

Acrescento apenas...que Deus nos proteja a todos!

um abraço

Ártemis

Grande poesia. Uma mistura de romantismo e tristeza. Uma abertura para pensar nos sentimentos que nos fazem humanos.

Marcos,

pego na sua frase não por falta de imaginação mas pela verdade que ela transporta.

Abrir a nossa alma a sentimentos tão nobres como o amor ou a tristeza é humanizarmo-nos sem duvida. No mundo que constantemente nos faz esquecer dos pormaiores da vida, é bom de quando em vez sentir o rubor dos sentimentos para que não nos esqueçamos que viver é SENTIR!

Abraço

Ártemis