Concursos

  Quer publicar o seu livro de Poesia? Clique aqui.

  Quer partcipar nas nossas Antologias? Clique aqui.

Lembrando minha infância

Lembrando minha infância

Ando por aqui,
Porque nao posso ir por ali
Meio sem tino.

Mas algo lindo li
Quando uma bela foto vi.
E me deu um sentido.

Com belo e doce carinho
Minha infância lembrei
E meus queridos amiguinhos.

Nao eramos nada pobres
Cheios de sonhos e alegrias
Humildes, sinceros e nobres.

Só fazíamos muitas patifarias
Inocentes e belas brincadeiras
Íamos ás frutas e tiravamos as sortes.

Colhiamos, uns mangas, pitangas, papaias, bananas ...
Outros apanhavamos na lavra, a mandioca, tudo lavar e comer...
Depois de saciados, eram as corridas , fortes.

Ah!! bicharada tinha que fugir, d"agente......
Era um chilrrear, debaixo de sol ardente
Corriamos até cansar, felizes bem contentes

Eramos a criancada num muceque em Angola
Como livres passarinhos, sonhando com a vida a brincar
Belo sol belas criancas, era o futuro em nós presente.

Andorinha
17/03/2014

Género: