Concursos

  Quer publicar o seu livro de Poesia? Clique aqui.

  Quer partcipar nas nossas Antologias? Clique aqui.

O Gnomo e o Gigante

O Gnomo e o Gigante

O gnomo é um homem pequeno que se esconde nos buracos da floresta. O gigante é um homem grande que não precisa de se esconder porque é o maior de todos.
Qual deles é o mais feliz?
E porque o teu pensamento é pequeno defendes o gnomo e dizes que ele é o mais feliz.
Pois eu digo-te que nenhum é feliz, porque não tem amor próprio, ambos fogem da própria sombra.
Um dia, o Rei dos sonhos entrou no sonho do gnomo e perguntou -lhe:
- Sr. Gnomo gostas de ti?
-Não. Respondeu o gnomo indignado.
-Porquê?
-Porquê? Porque sou muito pequeno e gostaria de voar, mas tenho medo do gigante que me pode esmagar.
O rei dos sonhos transformou o gnomo num homem gigante. O Gnomo todo contente tocou nas nuvens, os pássaros picavam-no, era do tamanho das árvores, sentia-se poderoso, mas, não gostou de ver os seus amigos tão pequenos que pareciam formigas.
O gnomo triste começou a chorar e cada lágrima que vertia parecia bombas de água que formaram rios e afogaram os amigos.
Ele todo aflito pede com desespero ao rei dos sonhos para voltar a ser pequeno .
- Quero ser pequeno, gosto de ser como sou, peço-te senhor que me transformes em Gnomo.
O gnomo acordou do sonho, que mais parecia realidade e contente foi visitar o homem gigante com um presente no coração, oferece a amizade ao gigante e diz-lhe de coração aberto:
- Devemos de gostar de nós próprios, enfrentar as diferenças dos outros, unir os nossos saberes e só assim seremos completos.
 

Gila Moreira

Género: