Concursos

  Quer publicar o seu livro de Poesia? Clique aqui.

  Quer partcipar nas nossas Antologias? Clique aqui.

NUVEM QUE VAI PASSANDO

NUVEM QUE VAI PASSANDO

Olho para o cèu e vejo uma nuvem que vai passando.

Ela me chama a atenção e eu fico olhando.

Ela me diz que assim como ela passa,

A vida passa também.

Aproveita a vida e ame o que você tem.

 

Nuvem passageira

Assim também sou eu.

Nuvem passageira,

O meu destino é igual ao seu.

 

Olho o vento que assopra e não sei para onde vai.

Ele diz que sou curiosa então perguntei.

Vento que assopra, pra onde que você vai?

Vento que assopra de onde que você vem?

 

Sou vento passageiro e você é como eu.

Sou vento mensageiro

E sou mensageiro seu.

 

Madalena Cordeiro

Género: 

Comentários

Quero ser como a nuvem, você olha e lá está ela.

Você distrai e olha novamente e ela se foi.

sou única como a nuvem, a mesma nunca volta.

Madalena Cordeiro

habitam as nossas vidas

são momentos... são histórias

aqueles delerios da vida

que enumeram nossa caminhada

Algumas nuvens são brancas

outras são escuras... tempestuosas

Mas depois da tormenta

vem a bonaza... um mar de rosas

(DiCello)

Obrigada DiCello Poeta! "Realmente as nuvens são românticas, às vezes bravas na tempestade. Porém, de uma infinita beleza".

Madalena Cordeiro

NUVEM É PASSAGEIRA E, AS TEMPESTADES TAMBÉM,

VÁ MAS RETORNE COM ALGUÉM

Bonito poema amiga Madalena, gostei muito.

Abraço caloroso.

Obrigada Nereide! É uma canção. Já compus a música para essa letra, este poema.

Fico feliz com a sua visita e comntário!

Madalena Cordeiro

Obrigada Nereide! É uma alegria sua visita e comentário!

Abraços minha amiga! heart

Madalena Cordeiro

Poetando na fantasia......porque a utopia é o alimento dos poetas!

Beijinho

João Murty 

Obrigada João Murty! Estava com muita saudades de você. "Os poetas inventam na magia, na fantasia, na serenidade da poesia; de aguma maneira esquecer ou lembrar... A escrita nos faz tanto bem que, até as novens falam e o poeta entende".

Madalena Cordeiro