Baudelaire

Baudelaire

Offline
Última vez online: 5 years 4 meses atrás
Membro desde: 07/12/2012 - 23:07
Pontos: 8

Género

Idade

Cidade

País

FR France

Tipo de Membro

Sobre mim

Charles Pierre Baudelaire (9 de Abril de 1821 - 31 de Agosto de 1867) foi um poeta e teórico da arte francês. É considerado um dos precursores do Simbolismo, embora tenha se relacionado com diversas escolas artísticas. Sua obra teórica também influenciou profundamente as artes plásticas do século XIX.

Obras literárias

1821 - 9 de Abril: nasce Charles Baudelaire em Paris
1832 - Outubro: Baudelaire torna-se interno no Colégio Real de Lyon
1836 - Chamado ao Estado-Maior de Paris, Aupick interna o enteado no Colégio de Louis-le-Grand
1837 - Baudelaire obtém o segundo lugar no exame geral de fim de ano, além de conquistar o segundo prêmio num concurso de versos latinos
1839 - 18 de abril: Expulsão do Colégio Louis-le-Grand por uma ninharia (negou-se a mostrar um bilhete que lhe passara um colega);
- 12 de agosto: Baudelaire diploma-se bacharel;
- 2 de novembro: Primeira inscrição na Escola de Direito, que jamais freqüentará. Contrai a primeira de suas incontáveis afecções venéreas;
1856 - 30 de dezembro: Contrato entre Baudelaire e a editora Poulet-Malassis e De Broise, à qual o poeta vende os direitos de As Flores do Mal;
1857 - 25 de junho: Lançamento de As Flores do Mal. A coletânea inclui 52 poemas inéditos
7 de julho: A direção da Segurança Pública, Órgão do Ministério do Interior, alerta os Tribunais sobre o delito de ultraje à moral pública cometido pelo autor de As Flores do Mal. Dez dias depois, o Tribunal dá a conhecer sua resolução: é instaurada ação judicial contra Baudelaire e seus editores, e ordena a apreensão dos exemplares. No dia 11 de mesmo mês, o poeta escreve para a Poulet-Malassis rogando-lhe esconder "toda a edição";
20 de agosto: Após ouvir a acusação de Ernest Pinard (o mesmo que conduziu o libelo acusatório contra Madame Bovary) e a defesa de Chaix d'Est-Ange, a 6.ª Vara Correcional condena Baudelaire à multa de 300 francos, seus editores à multa de 100 francos cada um e ordena o expurgo de seis poemas (Lesbos, Mulheres Malditas(Delfina e Hipólita), O Lestes, À; que esta sempre alegre, As jóias, As metamorfoses do vampiro, os chamados "Poemas condenados", incluídos na Marginália (1866) e depois definitivamente incorporados ao texto de As flores do Mal, como se vê a partir da primeira edição póstuma, de 1868);
1860 - 13 de janeiro: Primeira crise cerebral;
15 de novembro: O Ministro da Instrução Pública concede a Baudelaire uma indenização literária de 200 francos para As Flores do Mal. Estranha Política;
1861 - Março: Baudelaire se diz à beira do suicídio. O que ainda o impede de consumá-lo é o orgulho de não deixar seus negócios em desordem e o desejo de publicar suas obras de crítica;
1863 - 13 de janeiro: Baudelaire cede a Hetzel, por 1.200 francos, os direitos exclusivos de publicação dos Pequenos Poemas em Prosa e de As Flores do Mal¸ que já estavam vendidos a Poulet-Malassis;
1866 - 15 de março: Baudelaire passa uma nova temporada em Namur, na casa dos Rops. Durante umas visita à Igreja de Saint-Loup, o poeta escorrega e cai sobre as lajes. Os distúrbios cerebrais se declaram de forma irreversível. Removem-no para Bruxelas;
1866 - 4 de julho: Baudelaire é internado na Casa de Saúde do Dr. Duval, à Rua Dôme, próximo à Étoile. O tratamento hidroterápico proporciona-lhe algumas melhoras. Em seu quarto, ornamentado com uma tela de Manet e uma cópia do retrato da duquesa de Alba, de Goya, ele recebe numerosos amigos;
1867 - 31 de agosto: Morte de Baudelaire, que expira nos braços de sua mãe. Segundo o anúncio fúnebre, o poeta recebeu os últimos sacramentos;
1896 - Le tombeau de Charles Baudelaire, com colaboração de 39 escritores, entre os quais Mallarmé.
Fonte: br.geocities.com

Amigos

ronilda...

Conteúdo do membro

Título Género
Máxima de Baudelaire - Manejar sabiament...
16/03/2014 - 18:19
Baudelaire
Fotografia
Leituras: 629
Comentários: 0
Aforismo de Baudelaire - Não podendo sup...
03/11/2013 - 01:02
Baudelaire
Fotografia
Leituras: 527
Comentários: 0
Meme de Baudelaire - A admiração começa
21/09/2013 - 23:38
Baudelaire
Fotografia
Leituras: 1,968
Comentários: 0
Baudelaire Meme- o Poeta é como o princí...
01/08/2013 - 16:57
Baudelaire
Fotografia
Leituras: 1,503
Comentários: 0
Sedução do Nada
12/01/2013 - 01:05
Baudelaire
Poema
Leituras: 772
Comentários: 1
Spleen
07/01/2013 - 01:06
Baudelaire
Poema
Leituras: 907
Comentários: 1
Obsessão
06/01/2013 - 01:02
Baudelaire
Poema
Leituras: 793
Comentários: 1
O Sino rachado
05/01/2013 - 01:01
Baudelaire
Poema
Leituras: 869
Comentários: 1
O Tonel do Rancor
04/01/2013 - 00:58
Baudelaire
Poema
Leituras: 749
Comentários: 1
O Morto prazenteiro
03/01/2013 - 00:57
Baudelaire
Poema
Leituras: 846
Comentários: 1

Pages

Subscribe to Conteúdo do membro

Os meus fãs

ronilda...
Rhodys d...
admin