Concursos

  Quer publicar o seu livro de Poesia? Clique aqui.

  Quer partcipar nas nossas Antologias? Clique aqui.

Augusto Gil

Augusto Gil

Offline
Última vez online: Nunca atrás
Membro desde: 31/01/2013 - 23:57
Pontos: 0

Género

Idade

País

PT Portugal

Tipo de Membro

Sobre mim

Augusto César Ferreira Gil (Lordelo do Ouro, 31 de julho de 1873 - Guarda, 26 de fevereiro de 1929) advogado e poeta português, viveu praticamente toda a sua vida na Cidade da Guarda onde colaborou e dirigiu alguns jornais locais.
Estudou inicialmente na Guarda, a "sagrada Beira", de cuja paisagem encontramos reflexos em muitos dos seus poemas e de onde os pais eram oriundos, e formou-se em Direito na Universidade de Coimbra.
Começou a exercer advocacia em Lisboa, tornando-se mais tarde director-geral das Belas-Artes. Na sua poesia notam-se influências do Parnasianismo e do Simbolismo. Influenciado por Guerra Junqueiro, João de Deus e pelo lirismo de António Nobre, a sua poesia insere-se numa perspectiva neo-romântica nacionalista.

Conteúdo do membro

Título Género
CARTA A UM RAPAZ SENTIMENTAL
26/12/2012 - 02:14
Augusto Gil
Poema
Leituras: 1,016
Comentários: 0
A CANÇÃO DAS PERDIDAS
25/12/2012 - 02:12
Augusto Gil
Poema
Leituras: 1,433
Comentários: 0
MEDITAÇÕES SOBRE THEMAS DO ECCLESIASTES
24/12/2012 - 02:11
Augusto Gil
Poema
Leituras: 730
Comentários: 0
IN PROMPTUM PASTORAL
23/12/2012 - 02:10
Augusto Gil
Poema
Leituras: 721
Comentários: 0
A MÁSCARA
22/12/2012 - 02:10
Augusto Gil
Poema
Leituras: 852
Comentários: 0
UM GRÃO DE INCENSO
21/12/2012 - 02:09
Augusto Gil
Poema
Leituras: 739
Comentários: 0
O PASSEIO DE SANTO ANTONIO
20/12/2012 - 02:08
Augusto Gil
Poema
Leituras: 2,694
Comentários: 0
MELODIA CONFIDENCIAL (De Albert Samain)
19/12/2012 - 02:07
Augusto Gil
Poema
Leituras: 781
Comentários: 0
O QUE O FOGO POUPOU DUM POEMETO QUEIMADO
18/12/2012 - 02:06
Augusto Gil
Poema
Leituras: 763
Comentários: 0
O NOSSO LAR
17/12/2012 - 02:05
Augusto Gil
Poema
Leituras: 1,099
Comentários: 0

Pages

Subscribe to Conteúdo do membro