Geral

OS MENINOS DA RUA BRASIL

Hoje compreendo as lágrimas incessantes
Faltam amores.
De ambos os lados há desconforto
Sobram as dores.
E sempre amanhece e anoitece
Revelando uma explosão mental
As lágrimas interiores.
Faltam sonhos
Na frieza descomunal desumana
Da ausente vida
Vida recatada vivida aos pedaços
Não parece humana, talvez vegetal.
Falta coragem.
Na escalada pela liberdade cara
E nossa liberdade é o amor de preço alto

DIREITO

Dai me o direito a ter direito a sombra

Que não sou,

Ao meu anti gosto predileto

Dai me o direito a mais

Do oxigênio contaminado necessário.

Dai me o direito de ser imperfeito 

De ser profundamente mediano 

Nas decisões assertivas da vida 

E nas mediocridades humanas.

Lado a lado

        Em nossas andança 

         Caminhando lado à lado

         Pode haver mudança 

         Eu sempre por dentro do lado.

 

         Sua mão em meu ombro

         Como que me ampara

         Me desvia dos escombros

          Em carinho que não se compara.

 

         Caminhando em compasso

         Lado  à lado

          O guiar com um abraço

          De um cavalheiro, meu namorado.

 

Nereide

Vivência

 

     Eu  e tu

     Tu inverno

     Eu primavera

     Tu sereno

     Eu  agitada

     Mar revolto

     Jardim encantado

    Rosa  carmim

    Cravo  perene

     *******

   Eu e tu

   Mãos dadas

   Longa jornada

   Tu sisudo

   Meu caminhar...

   Um lago sereno.

 

Nereide

 

https://novanereide.blogspot.com

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Dança

o mundo é dos ricos e dos bonitos. é daqueles que olham o sol e se esquecem da própria sombra que pisam. dança , dança enquanto és jovem e tens asas que dançam. pois não há nada nesta vida mais grandioso que dançar entre as labaredas.

Há dias assim

Há dias assim

Em que a noite cresce…

E eu, como quem se despe

Como quem se esquece de si

Deito-me nas letras a sonhar…

Há dias assim

Que deixam travo

Um resto não sei de quê na alma

Talvez uma febre calma

Ou um delírio raro….

Há dias assim

Que são um momento

Dias em que não aguento

Como o de hoje

Aqui…

Pages